23/03/2017 - 17h34
Geraldo Hilário debate na FIEMG solução para ponte do Trevo Sinergia
Encontro foi o segundo da Agenda de Convergência para resolver problema da ligação Timóteo / Fabriciano


PMT
I009618.jpg
Reunião Romel

O prefeito de Timóteo, Dr. Geraldo Hilário, participou nesta quarta-feira (23/03) no auditório da FIEMG/Vale do Aço de reunião para debater uma solução para a ponte do Trevo Sinergia, a ponte velha que liga Timóteo ao município de Coronel Fabriciano. Interditada desde novembro de 2012, o problema da ponte se arrasta já há quase quatro anos e meio. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT publicou o edital para reforma da ponte pela terceira vez, no dia 12 de dezembro último, porém sem sucesso na licitação.

Participaram da reunião lideranças regionais, dentre elas o diretor da Usiminas Mecânica Heitor Takaki, Flaviano Gaggiato o deputado estadual Celinho do Sinttrocel, o prefeito de Coronel Fabriciano Dr. Marcos Vinicius Bizarro e o vice Rubinho Gregório. O prefeito Dr. Geraldo Hilário declarou na reunião que está confiante na solução do problema que afeta diretamente o desenvolvimento regional.

Construída na década de 50, a ponte foi interditada pelo DNIT, após avaliação técnica e constatação de abalo estrutural devido a um rebaixamento da pista. Posteriormente a ponte foi liberada, mas apenas para passagem de veículos leves, de passeio. Durante a reunião ficou definido que a Usiminas Mecânica vai apresentar o anteprojeto da nova ponte ao DNIT.

Primeira reunião

A iniciativa de propor uma alternativa para reforma da ponte de ligação entre Timóteo a Coronel Fabriciano é da FIEMG, através da Agenda de Convergência para o Desenvolvimento do Vale do Aço. A primeira reunião para debater o assunto ocorreu no início de fevereiro na sede da entidade, reunindo lideranças políticas e empresariais, quando ficou definido que a Usiminas Mecânica fará o anteprojeto. 

O estudo topográfico e elaboração do projeto são acompanhados pelo gerente geral de engenharia, planejamento e orçamento da Usiminas Mecânica, Luciano Gomes dos Santos. O projeto é considerado um dos mais importantes no eixo de infraestrutura da Agenda de Convergência, por ser uma das vias mais utilizadas pelas empresas e população entre os municípios.

Balanço Usiminas

O prefeito Dr. Geraldo Hilário também participou esta semana, na segunda-feira, de um Fórum Extraordinário da Agenda de Convergência do Vale do Aço, que contou com a presença do presidente da Usiminas, Rômel Erwin de Souza. 

O presidente da companhia apresentou um balanço financeiro dos últimos anos da empresa, desde 2008, em que operava com capacidade máxima de produção, até os dias atuais, com uma estratégia de reestruturação para superar os desafios vividos pela siderúrgica e pelo próprio setor. Segundo Rômel Erwin, em 2016 a Usiminas desenvolveu ainda nove novos tipos de aço, sempre direcionados para produtos de alta resistência, voltados para o mercado automotivo, linha branca e construção civil. Para este ano, a expectativa é que mais sete produtos sejam lançados.


Fonte : PMT




Galeria


VEJA TODOS COMENTÁRIOS


ATENÇÃO: Este comentário será moderado, podendo ser aprovado ou não. Evite palavras que posSAM comprometer sua imagem.

Nome:
Email:

Enviar