31/03/2017 - 17h29
Saúde intensifica combate ao Aedes no setor Sete neste sábado
Visitação de casa em casa busca sensibilizar moradores em relação ao mosquito


PMT
I009672.jpg
Ação Dengue

A Prefeitura de Timóteo, por meio da Coordenação de Vigilância Sanitária e Zoonozes da Secretaria de Saúde, realiza uma ação de intensificação do combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya e do zika vírus. O trabalho, iniciado pelo bairro São Cristovão na quinta-feira, neste sábado (01/04) chega ao Setor Sete.

A concentração para início da sensibilização está programada para as 08h da manhã próximo a rotatória entre os bairros Limoeiro e Recanto Verde. O trabalho vai atingir os bairros Limoeiro, Ocupação do Limoeiro e ainda o Alphaville. No total 45 agentes de endemias serão envolvidos na ação que prossegue até meio dia e inclui visitação de casa em casa para sensibilização e convencimento junto aos moradores.

Segundo a coordenadora de Vigilância Sanitária e Zoonozes, Josélia Siqueira Bastos, o setor Sete é uma das regiões onde foi encontrado o maior número de focos do Aedes aegypti, é também uma das regiões onde o maior número de criadouro encontrado foi dentro das residências. A ação visa auxiliar, orientar e mobilizar os moradores quando a necessidade de limpeza dos quintais e recolhimento dos inservíveis como garrafas, pneus e outros vasilhames que possam acumular água.

Os trabalhos de combate ao mosquito Aedes foram intensificados com o resultado do Levantamento do Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa), que apontou infestação de 3,3% no município. São priorizados na ação os bairros onde foram apurados os maiores índices de infestação, tais como Ocupação Limoeiro (36%), Distrito Industrial (25%) e Quitandinha (15%).

Nesta quinta-feira durante o trabalho feito no bairro São Cristovão, todas as residências foram visitadas. Moradores foram abordados e orientados sobre os cuidados que devem tomar com recipientes que acumulem água dentro de casa e nos quintais. Na ação, os agentes recolheram também amostras de água com larvas para análise. Eles também distribuíram sacolas de lixo e orientaram os moradores a colocarem recipientes que acumulem água nas sacolas para recolhimento juntamente com o lixo domiciliar.


Fonte : PMT




Galeria


VEJA TODOS COMENTÁRIOS


ATENÇÃO: Este comentário será moderado, podendo ser aprovado ou não. Evite palavras que posSAM comprometer sua imagem.

Nome:
Email:

Enviar